Heroes: Tim Kring assume erros cometidos no começo da segunda temporada

0
254

Depois de comentar os possíveis efeitos da greve de roteiristas de Hollywood sobre a segunda temporada de Heroes, o produtor-executivo Tim Kring falou dos rumos do ano dois. E também das falhas, já que a audiência da série caiu 15% em relação ao primeiro ano.

Em entrevista à Entertainment Weekly, Kring assumiu que a temporada começou lerda. "Partimos da idéia de que os fãs queriam ver um repeteco da primeira temporada: intrigas construídas devagar e descobertas de poderes. Ensinamos o público a esperar uma certa narrativa. E eles queriam mais adrenalina. Cometemos um erro [neste começo de segunda temporada]", diz.

Sem enveredar em spoilers, Kring diz que a ação começou a pegar no episódio da última segunda-feira, dia 5, e não deve parar. O que ele fala a seguir estraga surpresas de quem não acompanha os episódios lá fora. Então, cuidado! Confira depois dos asteriscos.

Avisamos!

*

*

*

Kring assume que o Volume 2 (informalmente, os 11 primeiros episódios da segunda temporada) se sairia melhor se a antevisão de Peter de um novo futuro apocalíptico tivesse vindo na estréia da temporada, e não no episódio sete. Peter e HRG, agora, assumem o centro da ação. "Levamos muito tempo para mostrar o contexto maior", confessa o produtor.

Outro ponto de deficiência foi a estadia prolongada de Hiro no Japão. "Deveria ter durado três episódios. Não demos ao público história suficiente para justificar o tempo que reservamos [a essa subtrama]." Hiro sofreu em dobro, com o romance que lhe arrumaram. "Eu já vi amores melhores na TV. Não acho que romantismo seja algo apropriado para nós", reconhece Kring. O namoro de Claire também entra aí no saldo negativo do produtor.

Mais falhas: "Monica, Maya e Alejandro não deveriam ter sido introduzidos em tramas paralelas que parecem desligadas do fio principal. A maneira como apresentamos Elle – via a história de Peter – é mais lógica". Tim Kring diz que as anotações estão sendo feitas e que mudanças virão, mesmo se Heroes for obrigado, pela greve, a interromper a temporada com um "semi-final" no dia 3 de dezembro.

Uma das mudanças ele adianta: tem personagem novo na série que não vai sobreviver ao final do episódio do dia 3.

A série é exibida toda segunda nos EUA – e pode terminar em dezembro, como dissemos nos últimos dias. O Universal Channel começa a segunda temporada no Brasil em 11 de janeiro de 2008.

Fonte: Omelete

Compre aqui o DVD da primeira temporada

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.