Novos rumos para o selo MAX

0
611

O selo MAX, divisão de quadrinhos com temática adulta da Marvel Comics, nunca foi um exemplo de constância e continuidade na publicação de seus títulos. O editor responsável, Axel Alonso, conversou recentemente sobre as mudanças programadas pela Marvel e sobre as melhorias que essa linha terá nos próximos meses.

Para começar, ele declarou que agora o MAX será tratado como uma linha editorial, capaz de acolher histórias de todos os gêneros, mas ainda mantendo a sua intenção inicial de ser um lugar para quadrinhos adultos. “Histórias policiais, de terror, de guerra, faroestes, ficção científica e qualquer tipo de hibridação entre esses gêneros. Super-heróis são o  ´arroz com feijão´ da indústria, mas existe espaço para contar outras histórias. E apresentar diversidade de histórias é sempre bom para uma editora”.

Prova dessa expansão da linha é que existem três outros editores que, junto com Axel, estão trabalhando em diferentes estágios de produção de títulos com conteúdo adulto para a Marvel. “A idéia”, diz Alonso, “é ter três títulos diferentes nas bancas o tempo todo”.

A garantia de liberdade de criação para os escritores e artistas parece ser o que mais os interessa no selo MAX, e Axel fez questão de deixar claro que essa é uma prerrogativa para que as histórias funcionem. Portanto, a continuidade desses títulos com o Universo Marvel regular não é imposta ou mesmo desejada. E ele deixou claro que “não existem limites para as histórias apresentadas aqui”, o que significa que super-heróis podem ter espaço.

Alguns dos nomes que compõem o quadro de criadores produzindo trabalhos para a linha Max hoje são David Lapham, Garth Ennis, Richard Corben e Gregg Hurwitz, entre outros.

Ennis, que já escreve a versão adulta do Justiceiro para o selo há quatro anos, aproveitou para falar sobre o novo arco que se inicia na edição #50 do título do personagem nos EUA. Long, Cold Dark é uma história que mostra o Justiceiro lidando com as tristezas e as mortes causadas pela sua cruzada de vingança.

Essa será a terceira vez que Garth fará Frank Castle enfrentar o vilão Barracuda. O roteirista ainda promete aparições de outros personagens importantes na trama. “Não posso revelar quem eles são sem entregar um pouco da história”, disse o escritor, aguçando a curiosidade dos fãs.

O desenhista dessa edição, que chegará às lojas dos Estados Unidos em agosto, é o lendário Howard Chaykin. Mas não é só Ennis que tem cadeira cativa. Axel garantiu que qualquer escritor do universo regular da Marvel que tiver uma história para contar nos moldes da linha MAX será bem-vindo ao time.

Fonte: HQ Maniacs

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.