Roteirista de Shazam! desanca quadrinhos clássicos

0
283

Oficializado em março como o roteirista de Shazam!, adaptação para as telas das aventuras do [BP]Capitão Marvel[/BP] da [BP]DC Comics[/BP], John August tem feito de seu site oficial um veículo de comunicação com os leitores. Ali ele desfez o boato de que Jake Gyllenhaal seria o protagonista do filme. Agora ele lança uma polêmica na página – criticando os gibis clássicos do herói.

“A DC fica publicando antologias de capa dura que reúnem décadas de histórias do Capitão Marvel. Se eu fosse escrever uma dissertação sobre a evolução do herói, as antologias seriam inúteis. Cada vez que leio uma tenho a mesma percepção de quando assisto à [clássica telessérie] Honeymooners ou a um filme em preto-e-branco: uau, coisas velhas são um porre”, escreveu August.

E continua: “Sei que isso vai enfurecer fãs das antigas, que vêem encarnações originais como a forma mais pura de um personagem. Mas o que você rapidamente percebe é que quadrinhos antigos eram escritos de forma tosca, com desenhos crus e inconsistentes com suas regras. A arte foi se desenvolvendo, e as HQs hoje são melhores pela sabedoria acumulada”.

August tem no bom currículo recentes filmes-família, todos projetos de Tim Burton, como A fantástica fábrica de chocolate, Peixe grande e A Noiva-Cadáver. Se você discorda da opinião dele, o fórum está aberto.

A produção contará a história do garoto Billy Batson, que se torna o lendário Capitão Marvel ao proferir a palavra SHAZAM!, derivada dos nomes de Salomão, Hércules, Atlas, Zeus, Aquiles e Mercúrio. Leia tudo sobre a HQ e sua criação, clicando aqui.

Peter Segal, diretor conhecido por comédias como Tratamento de choque e Como se fosse a primeira vez, dirigirá o filme. No passado, o Capitão Marvel também já foi tema de diversas telesséries, que você pode conferir aqui.

Notícia retirada do Omelete

[tags]Shazam![/tags]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.